07/02/2011

DUPLO HOMICÍDIO É DESVENDADO EM MENOS DE QUATRO HORAS


Soldado Anderson da ROCAM falou com exclusividade a nossa reportagem
José Jamerson de Andrade, vulgo Neném, de 18 anos de idade
Wellington Sousa dos Santos, vulga “Do – Bolo”, de 23 anos de idade, residente no Bairro Cruz Alta, também na Capital da Sulanca
Um revólver cal 38 ultilizado no crime foi apreendido
Essa Honda FAN-125, de cor vermelha sem placa, também foi apreendida
Foi apreendido uma moto Yamaha XTZ-125 de cor preta e placa NPW-7069 da cidade Santa Rita-PB

Aproximadamente quatro horas, esse foi o tempo que a Força Tarefa entre GATI, ROCAM e o Serviço de Inteligência da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar de Santa Cruz do Capibaribe.
O duplo homicídio aconteceu por volta das 21h00min de ontem, domingos, dia 06 de fevereiro, na estrada que dá acesso a Vila do Algodão zona rural de Taquaritinga do Norte. Na ocasião Danilo Jéferson Oliveira da Silva, de 16 anos de idade e Gabriel Alexandre da Silva, de 15 anos de idade foram executados com tiros na cabeça. Já o irmão do Danilo, o também menor de 15 anos, Daniel Oliveira da Silva, ficou ferido no ombro e foi socorrido para o Hospital Municipal da cidade de Santa Cruz do Capibaribe.
Após tomar conhecimento dos crimes, o Serviço de Inteligência iniciou as investigações, onde já por volta das 12h30min conseguiram descobrir a autoria dos homicídios, onde de acordo com as investigações, seria dois elementos conhecidos por “Do – bolo” e o outro por Neném.
De imediato foi deflagrada a operação comandada pelos Soldados Anderson da ROCAM e F. Santos pelo GATI.
Ao chegar na Rua Jailton José Meneses, no bairro da Palestina, em Santa Cruz do Capibaribe, o efetivo de deparou com três elementos que estavam em duas motos. Wellington Sousa dos Santos, de 23 anos de idade, residente no Bairro Cruz Alta, também na Capital da Sulanca. “Do – Bolo” ou “Fi” como é mais conhecido estava na companhia foi preso ainda José Jamerson de Andrade, vulgo Neném, de 18 anos de idade, residente na Rua Projeta no loteamento Gavião, em Santa Cruz. Além deles ainda foi detido Gemarques Tomas de Oliveira, de 19 anos de idade, residente na Rua Luiza Mendes no bairro Nova Santa Cruz.
Ao serem indagados pelos policiais, o Neném confessou ter atirado nas vítimas após obrigar as mesmas a deitarem no chão. Já o “Do – Bolo” teria pilotado a moto no momento dos crimes.
Eles alegaram que o motivo seria uma briga que os envolvidos teria tido com as vítimas em um Clube Piscina na Vila do Algodão.
O Neném ainda informou que teria guardado a arma utilizada no homicídio na casa de um amigo. O policiamento se dirigiu até a casa do outro indivíduo, onde dentro do quarto foi encontrado um revólver cal 38, sem munições. A mão do rapaz disseque quando os assassinos chegaram em sua residência seu filho não estava em casa e os dois criminosos teria ido ao quarto e escondido a arma sem conhecimento dos donos do imóvel.
Segundo informações da Polícia, o elemento por nome de Gemarques que foi detido na ocasião, é suspeito de outros homicídios e assalto na Capital da Sulanca.
Os três envolvidos foram levados para a Delegacia da Polícia Civil de Santa Cruz do Capibaribe, onde foram ouvidos pelo Delegado de Plantão que autuou “Neném” e “Do – Bolo” em fragrante. Os dois serão encaminhados a Penitenciaria Juiz Plácido de Souza na cidade de Caruaru.
Além do revólver a força tarefa apreendeu uma moto Yamaha XTZ-125 de cor preta e placa NPW-7069 da cidade Santa Rita-PB, além de uma Honda FAN-125, de cor vermelha sem placa.

Nenhum comentário :

Postar um comentário